A CEDAE

Programa de Saneamento da Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes e Jacarepaguá - PSBJ

O Governo do Estado do Rio de Janeiro, com recursos orçamentários do FECAM – Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano, e tendo como executora a CEDAE, está implantando o Programa de Saneamento da Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes e Jacarepaguá (PSBJ). O Programa visa implantar sistemas completos de esgotamento sanitário na Barra da Tijuca, em Jacarepaguá e no Recreio dos Bandeirantes.
O PSBJ está projetado para o horizonte de 30 anos no que tange a macro situação de coleta, tratamento e destinação final de 5,3 mil litros por segundo de esgoto, o que representa uma capacidade instalada para atender o desenvolvimento urbano da região pelos próximos decênios. As obras tiveram início em 10 de abril de 2001.

Esquemático do Esgotamento Sanitário da Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes e Jacarepaguá.

Esgotamento sanitário da Barra da Tijuca

O Programa do PSBJ tem dois marcos fundamentais: a Estação de Tratamento de Esgoto da Barra da Tijuca que atualmente trata o volume de 1.600 litros por segundo de esgoto que era disposto no Sistema Lagunar e o Emissário Submarino que transporta todo o esgoto tratado para alto mar, a 5.000 m da costa e a 45 metros de profundidade. Atualmente, grande parte das áreas dos três bairros, Barra da Tijuca, Jacarepaguá e Recreio dos Bandeirantes já estão esgotadas.

Até o final de 2016 deverão ser coletados até 2.900 litros de esgoto por segundo, quando as principais áreas da chamada Bacia de Jacarepaguá, que incluem os três bairros já mencionados, estarão atendidas.

Estação de Tratamento
da Barra da Tijuca – ETE

Construída para tratar 3,0 mil litros de esgoto por segundo, tratamento preliminar e tratamento primário do esgoto recebido, com capacidade de ampliação para tratamento de até 5,3 mil litros de esgoto por segundo. A ETE Barra da Tijuca é composta da seguinte forma: Unidade de Decantação, Unidade de Desarenação, Prédio de Apoio, Elevatória Final, Subestação Principal, Elevatória de Escuma, Sala de Comando da Elevatória Final, Cabine de Medição, Desidratação e Secagem Térmica de Lodo, Tratamento de Odor, Administração e Laboratório, Reservatório de água potável e Chaminé de Equilíbrio.

Emissário Submarino
da Barra da Tijuca

O Emissário Submarino da Barra da Tijuca, parte integrante do sistema de esgotamento sanitário da região, foi projetado para viabilizar a retirada dos esgotos inicialmente lançados no sistema lagunar de Jacarepaguá. O projeto foi embasado nos resultados de diversas campanhas de medição de correntes, em alto mar, realizadas pela CEDAE que demonstram padrão paralelo à linha de costa, seja na direção oeste ou leste, favorecendo o descarte do Emissário, sem causar risco à zona de praia.

Obras Terrestres

Compreende todo o sistema de coleta domiciliar do esgoto produzido, passando pelas estações elevatórias, estação de tratamento e o encaminhamento final ao Emissário Submarino da Barra da Tijuca.
A implantação das principais linhas de recalque, coletores troncos e emissários terrestres são executadas utilizando tecnologia não destrutiva (túneis subterrâneos – SHIELD, NATM), não afetando as principais vias de tráfego.

  • Rede de Coletora - assentados 14.433 m em tubulação de PVC;

  • Coletor tronco – assentados 9.443 m em tubulação de CA;

  • Linha de Recalque – assentados 7.351m em tubulação de PEAD;

  • Ligações Domiciliares - executadas 20.650 unidades;

  • Emissário Terrestre – assentados 1.052,14m em tubulação de Aço Carbono e
    2 x 1021,30m (2 linhas cada uma com 1.021,30) em tubulação de PEAD – concluído;

  • Travessias especiais – 09 unidades executadas;

  • Estações Elevatórias – Estações Elevatórias – 11 Estações Elevatórias concluídas (EEE ETE Barra, EEE Jardim Oceânico, EEE Marapendi, EEE Eugênio Macedo, EEE Santa Mônica, EEE Lagoa da Tijuca, EEE Rock in Rio, EEE Península, EEE Alvorada, EEE Centro Adm Barra e Estação Vila dos Atletas), e 02 Estações Elevatórias em execução (EEE Olímpica e EEE Pontal);

  • Caixa de transição emissário terrestre/submarino – Concluída;

  • Emissário Submarino 5.000m – Concluído;

  • Estação de Tratamento de Esgotos – Concluída.

Obras Executadas

  • Conclusão do Tratamento Primário da ETE Barra da Tijuca:

  • Centro de Visitação Parque Natural Municipal Bosque da Barra

  • Construção da Elevatória Lagoa da Tijuca

  • Construção da Estação Elevatória Eugênio-Macedo

  • Implantação de Emissário Submarino com 5.000 metros de extensão em PEAD

  • Construção da Estação Elevatória Santa Mônica

  • Esgotamento das Sub bacias Marapendi Norte e Sul

  • Esgotamento da Sub bacia Jardim Oceânico

  • Estação Elevatória Vila dos Atletas, componente do Eixo Olímpico

Obras em Execução

  • Esgotamento Sanitário do Eixo Olímpico

  • Ampliação do Abastecimento Barra Recreio Jacarepaguá Vargens

  • Esgotamento Sanitário do Eixo Barra-Recreio

  • Ampliação do Sistema Coletor de Esgotamento Sanitário da Lagoa da Tijuca

Escopo das Obras de Cooperação Técnica

  • Estação Elevatória Península

  • Abastecimento do Pontal Oceânico

  • Ampliação do Abastecimento da Sub Bacia Gardênia Azul

  • Sistema de Esgotamento Sanitário Centro Administrativo da Barra

  • Sistema-de-Esgotamento-Sanitário-UNIMED

  • Esgotamento-do-Centro-Metropolitano

  • Esgotamento-Eixo-Final-Salvador-Allende-Bandeirantes

  • Esgotamento-Sanitário-do-Shopping-Américas

  • Esgotamento-do-Design-Hotel

  • Esgotamento-do-Pontal-Oceânico

  • Esgotamento-do-Parque-Olímpico-Rock-in-Rio

  • Esgotamento-do-Ilha-Pura

  • Esgotamento da Unidade de Pronto Atendimento da UNIMED

  • Esgotamento da Sub Bacia dos Alfas

  • Esgotamento da Sub Bacia Alceu Carvalho

  • Centro de Controle Operacional de Água da Barra da Tijuca Recreio Jacarepaguá

  • Ampliação dos Sistemas de Abastecimento e Esgotamento da Sub Bacia Capenha

  • Ampliação dos Sistemas de Abastecimento e Esgotamento da Sub Bacia Camorim

  • Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário da Av. Olof Palme

  • Ampliação do Sistema de Abastecimento da Sub Bacia-Freguesia

  • Ampliação do Sistema de Abastecimento da Sub Bacia Salvador Allende

  • Ampliação do Sistema de Esgotamento da Sub Bacia Olof Palme

  • Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário da Sub Bacia Santa Mônica

  • Ampliação do Sistema de Esgotamento da Sub Bacia Praia do Pontal

  • Ampliação do Sistema de Esgotamento da Sub Bacia Três Rios

  • Esgotamento do MIO VENIT

  • Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário da Sub Bacia Abelardo Bueno

  • Ampliação do Sistema de Esgotamento Est. Cel. Pedro Correia

Esgotamento sanitário do Recreio dos Bandeirantes

As obras têm por objetivo a implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário do Recreio dos Bandeirantes, compreendendo a coleta e transporte do esgoto sanitário até a Estação Elevatória do Recreio e posteriormente, à Estação de Tratamento de Esgotos da Barra da Tijuca, onde será dado o tratamento adequado, e tendo como destino final o Emissário Submarino.

Estágio atual das obras

  • Coletor Tronco – assentados 181 metros em tubulação de Concreto Armado - Concluído;

  • Rede Coletora – assentados 10.638 metros em tubulação de PVC - Concluído;

  • Ligações Domiciliares – executadas 3.768 unidades - Concluído;

  • Interceptor - assentados 6.748 metros em tubulação em Concreto Armado de 400, 600, 1000 e 1.200mm de diâmetro - Concluído;

  • Linha de Recalque – assentados 9.129 metros - Tubulação de PEAD com 1000 mm de diâmetro e Tubulação de Ferro Fundido com 500 mm de diâmetro - Concluído;

  • Implantação da Estação Elevatória do Recreio dos Bandeirantes, com capacidade de 1.200 litros de esgoto por segundo - Concluído;

  • Ampliação da Estação Elevatória das Tachas - Concluído;

  • Esgotamento da comunidade do Terreirão – Concluído.

Obras Executadas

  • Construção da Estação Elevatória de Esgoto Recreio dos Bandeirantes:

  • Assentamento Interceptor do Recreio

  • Assentamento Interceptor Terreirão

  • Esgotamento Terreirão

  • Linha de Recalque da EEE Recreio

Esgotamento sanitário de Jacarepaguá

As obras têm por objetivo a complementação do Sistema de Esgotamento Sanitário de Jacarepaguá, compreendendo a coleta e transporte do esgoto sanitário até a Estação Elevatória de Jacarepaguá e posteriormente à Estação de Tratamento de Esgotos, localizada na Barra da Tijuca, onde será dado o tratamento adequado e tendo como destino final o Emissário Submarino.

Estágio atual das obras

  • Rede Coletora - assentados 104.762m em tubulação de PVC;

  • Ligações Domiciliares - – executadas 19.444 unidades;

  • Coletor Tronco - assentados 8.946m em tubulação de Concreto Armado;

  • Linha de Recalque - assentados 12.101m em tubulação de FºFº;

  • Estações Elevatórias - 06 concluídas: (EEE de Jacarepaguá, EEE Jardim Clarice, EEE Curicica, EEE Bandeirantes, EEE Rio das Pedras e EEE Taquara;

  • Travessias Especiais – 21 travessias concluídas.

Obras Executadas

  • Construção da Estação Elevatória de Jacarepaguá:

  • Construção da Estação Elevatória Curicica

  • Construção da Estação Elevatória de Jacarepaguá

  • Construção da Estação Elevatória Taquara

  • Estação Elevatória Jardim Clarice

  • Reforma Ampliação da Estação Elevatória Rio das Pedras

Conteúdo Relacionado

  • PSBJ

    PDF | 10.470 KB
veja todos Os PROGRAMAS
 
Search